Quem sou eu

Minha foto
Acredito que o coração humano é o solo mais fértil que existe, no qual podemos plantar e colher estrelas... Acredito que as palavras são sementes preciosas. Acredito que a eternidade nos pertence desde sempre, pois dela viemos e para ela voltaremos. É muito bom saber que somos companheiros de viagem.

sábado, 20 de novembro de 2010

MOMENTO BREVE
***
(Fátima Guerra)
***
Ergueste castelos de areia
que as águas do mar levaram...
Achaste uma rota de estrelas
que as nuvens embaralharam ...
Montaste um varal de sonhos
que no vento se rompeu ...
Acendeste a lamparina
que a escuridão esqueceu ...
No breve tempo da vida
pretendeste ser feliz,
mas escreveste a alegria
com frágeis traços de giz ...
***
Santos-20/11/10-13:40

17 comentários:

  1. Hola Fátima,

    preciosos versos...
    Deseo que escribas tu alegría en una roca, para que el agua no pueda borrarla...

    Te dejo saludos argentinos y gracias por compartir,

    Sergio.

    ResponderExcluir
  2. Amiga Fátima

    Belíssimo poema. Momento Breve, que diz muito.
    "Mas escreveste a alegria/ Em frágeis traços de giz". Dois excelentes versos encerrando este breve momento.
    Beijinhos

    Alvaro

    ResponderExcluir
  3. Cada vez tenho menos dúvidas... a alegria somos nós que a fazemos, com os tons e sentires de cada dia.

    Magnífico poema!
    Beijinho

    ResponderExcluir
  4. Querida amiga Fátima!

    Belíssimo poema com mensagem, infelizmente tantas vezes verdadeira!
    Esta passagem pela vida...diria, que nunca deveria ser feita de forma "leviana".
    A vida esfuma-se num ápice! É preciso vivê-la de forma séria, verdadeira.

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. A alegria é breve (Alegria Breve é um romance de Vergílio Ferreira, leu? Precisa.), as linhas de giz se apagam... Mas que importa? A eternidade é muito longe e cansa, vivamos o instante - é um prelúdio do eterno, a nossa aprendizagem.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Mell querida, dizer que seu poema é maravilhoso é pleonasmo mas não consigo saber que vc postou e não vir repetir que vc é adorável.

    "Segue, barca da minha esperança ! Enfrenta os reveses do tempo e a fúria das tempestades, pois o naufrágio não se faz para ti".
    **Amado Nervo

    Um bom final de sábado e um domingo maravilhoso. Beijão do seu amigo ZC

    ResponderExcluir
  7. Este hino à vida escrita, demasiadas vezes a giz tão frágil, encantou-me! Levo a mensagem sob as palavras, estas, sim, escritas com o coração e... assim não se apagam!
    Beijinho e bom fim-de-semana, desejando que continue sua recuperação.

    ResponderExcluir
  8. CONDESSA minha querida,mesmo assim,,,o não desistir ainda esta valendo para nós duas,certo?
    faremos um novo castelo de areia
    ergueremos outro varal,
    acenderemos novas lamparinas,
    e escreveremos com giz tantas quantas vez\es forem nescesarias,lembra-se? bjs!!! um domingo lindo pra vc!

    ResponderExcluir
  9. A vida é assim, montada a partir de breves momentos, e ao final, juntos todos os breves momentos será esculpida a felicidade na rocha chamada eternidade. Assim desfrutara a felicidade feita destes breves momentos! Parabéns pelo belíssimo poema, e como sempre é perceptível sua sensibilidade em escrever sobre os sentimentos. Desejo tudo de bom pra você e todos ao redor sempre, obrigado por suas visitas e comentários sempre tão gentis e carinhosos, grande abraço e até mais!

    ResponderExcluir
  10. Olá, Fátima!

    Viver é uma surpresa! Sempre!
    Quando pensamos que tudo vai bem, de repente... a mudança.
    Acredito que, tudo acontece para que melhoremos, para que não nos acomodemos na vida.
    Tudo, tudo, tudo mesmo que nos acontece, é aprendizado!
    E sempre será!


    Beijo amiga,
    Fica em paz!

    Gislene.

    ResponderExcluir
  11. Sua poesia sempre acrescenta algo em mim,faz bailar minhas emoções...

    Preciso "partir" Melliss...vou "ali",será por um breve momento....Mas estarei cantando para "Deus proteger-te."

    Obrigado pelo carinho...pela acolhida doce e terna!

    Carinhosamente,

    Cirse.

    ResponderExcluir
  12. Temos uma amiga em comum..
    Então venha ver.
    Lhe convido para ver quem está comigo aqui.
    É um prazer te receber neste cantinho. Venha dar uma olhadinha. Tenho certeza que vai gostar.
    http://sandraandradeendy.blogspot.com/
    Carinhosamente, vou te esperar. Aqui grandes amigos se encontram e se revelam. Carinhosamente,
    Sandra.

    Amigos são flores plantadas com muito carinho.

    ResponderExcluir
  13. ..."Um Amigo me chamou para
    ajudá-lo a cuidar da dor dele.
    Guardei a minha no bolso...
    E fui!"...

    Caio Fernando Abreu

    Feliz Domingo e beijos meus! M@ria

    ResponderExcluir
  14. e veio a nuvem de chuva e o apagou...Lindo amiga. bjos achocolatados

    ResponderExcluir
  15. Olá querida Fátima,

    que lindos versos que deixam não momentos breves, mas lembranças lindas a quem te lê...

    Um beijo e bom domingo.

    ResponderExcluir
  16. Olá Fátima, bom dia, desejo que tudo esteja muito bem contigo!
    Sim, é preocupante, que grande parte dos homens não saiba falar do amor que sente para sua amada, penso que talvez pela pouca sensibilidade que possui, ao contrário de vocês mulheres, que são hipersensíveis, agradeço suas sempre carinhosas visitas e gentis comentários. E muito me alegra que goste de eu estar visitando pessoas que conhece, pois penso que sempre estamos aprendendo, e aprendemos expandindo nossos horizontes, tudo de bom pra você e todos ao redor sempre, grande abraço cheio de amizade e até mais!

    ResponderExcluir
  17. Olá, querida
    Para que a gente não sucumba aos castelos de areia que a vida se encarrega de nos impor...
    Dê uma olhada no meu post de anteontem (Domingo), por gentileza:
    Estou fazendo uma semana de reflexões com textos sobre o silêncio, acompanha,tá?
    Saudações com votos de paz e alegria no início da nova semana.
    Bjs

    ResponderExcluir

Musica